Memória no Celular: Entenda de uma vez por todas essa joça

By Ask 1 ano agoNo Comments
Home  /  Blog  /  Memória no Celular: Entenda de uma vez por todas essa joça

Você já deve ter visto mais de uma vez aquela sigla ‘GB’ em maiúsculo na hora de comprar um celular (8GB, 16 GB) mas você sabe o que isso significa?

Essa sigla GB indica a memória interna de um celular, e sem dúvidas esse é um dos principais fatores que deve ser levado em conta na hora de comprar um celular. Mas não se preocupe! Ela é bem simples de ser compreendida.

Iremos te mostrar nesse artigo de forma simples e rápida como avaliar um smartphone no quesito memória interna.

O que é Memória Interna?

Como você deve saber, no mundo da tecnologia as informações ocupam um espaço dentro da memória de um equipamento eletrônico. Todo tipo de informação (música, vídeo, foto) consome parte da memória do dispositivo (que é limitada).

É como se tivéssemos uma caixa (memória) que permite um número X de documentos (informação).

Quanto maior a memória, mais coisa pode ser armazenada no seu celular, ou seja, quanto mais melhor.

Obviamente, ter um celular com mais memória pode significar um preço um pouco mais elevado, mas como esse é somente um dos itens que determina o preço de um smartphone, é possível encontrar celulares com muita memória mais baratos que alguns com pouca, mas que talvez deixem a desejar em outros recursos.

Como tudo na vida, você precisa avaliar suas prioridades e necessidades para ver o que é mais importante para você.

Se você é um tipo de pessoa que gosta de ter muitas fotos, vídeos e aplicativos no celular, com certeza o tamanho da memória de um celular vai ser fundamental na sua escolha.

Vale lembrar que a memória também compromete o desempenho do celular! Grande parte das pessoas já deve ter passado pela situação onde usa uma grande parte da memória, deixando o celular lento e inapto a receber arquivos, SMS e algumas vezes até incapaz de realizar ligações telefônicas. Por isso é sempre bom deixar uma parte da memória livre e evitar ao máximo sobrecarregar o telefone com documentos desnecessários que só pioram a performance do aparelho.

O que significa GB?

Agora que você entendeu o que é a memória interna de um celular, vamos entender essa sigla tão presente nas especificações técnicas. GB (sigla de Gigabyte) é uma unidade de medida que indica o tamanho daquela informação em um aparelho eletrônico.

Na verdade, a unidade base é o Byte, mas para memórias de celular usamos a unidade Gigabyte (que equivale a 1 000 000 000 bytes).

Ok, agora que você entende que essa é uma unidade de medida, só é possível ter uma noção de como isso impacta a sua vida na prática a partir do momento que você compara medidas. Afinal, 1 GB é muito ou pouco? Depende de que tipo de informação (documento) estamos falando!

1 foto pode ter cerca de 165 Kb (1.000 bytes).

1 outra foto pode ter cerca de 1,63 mb (1000000 bytes).

Isso vai depender do número de megapixels, a resolução e qualidade da imagem.

Se formos considerar imagens com 1MB (que são fotos com uma qualidade legal) estamos falando que 1 GB significaria 1.000 fotos, mas na prática não é bem assim, como você pode perceber, o tamanho das imagens varia muito, até porque existem fotos de vários tamanhos.

Mas já é possível perceber que sim, 1 GB armazena uma quantidade considerável de fotos!

Quando pensamos em música, geralmente uma música de 3 minutos tem cerca de 4 mb, ou seja, 1GB equivaleria a 250 músicas de 3 minutos. Obviamente, que música também varia muito o tamanho uma para outra, afinal existe a qualidade sonora, compressão, assim como duração! Uma música pode ter 10 MB (é muito difícil somente uma música passar disso), assim como também pode ter 2 MB (e não necessariamente ter uma qualidade sonora menor) depende muito do produtor que criou a música.

1 GB também cabe uma quantidade razoável de músicas, mas já é bem menos que o número de fotos.

Agora quando falamos em vídeo, a coisa muda bastante!

Um vídeo curto em HD pode ter mais de 200 MB fácil (eu mesmo quando faço vídeos de 1 ou 2 minutos em HD com a câmera do meu celular ultrapassa os 160 MB). Assim como 1 filme geralmente tem 1.5 GB, ou seja, para vídeos de longa metragem, 1 GB é bem capaz que não caiba nem um filme.

Logo chegamos a conclusão que para vídeos, 1 GB pode representar pouca coisa, dependendo novamente da qualidade e tamanho do vídeo.

E para jogos?

Novamente depende da qualidade do jogo, existem jogos de celulares mais casuais de 50 a 150 MB, assim como também existem jogos mais complexos de 1 GB. Como a maioria das pessoas usa celulares para jogos casuais, isso também facilita na hora de ocupar a memória do celular.

Quais são os tamanhos padrões de memória interna dos celulares?

Agora que você já tem uma leve noção do que representa 1 GB, iremos mostrar como escolher as opções mercadológicas.

Os celulares hoje em dia na sua maioria deixam essas opções:

8 GB   (8000 músicas de 3 minutos ou 11 filmes completos de duas horas)

16 GB  (4000 músicas de 3 minutos ou 22 filmes completos de duas horas)

32 GB (8000 músicas de 3 minutos ou 45 filmes completos de duas horas)

64 GB  (16.000 músicas de 3 minutos ou 90 filmes completos de duas horas)

256 GB (incríveis 64.000 músicas de 3 minutos ou 360 filmes completos de duas horas)*

*P.S: Lembrando que isso são estimativas e mais pra frente também explicaremos que um celular de 16 GB não significa que ele tem 16 GB livres!

Quanto maior o tamanho de espaço, melhor! Mas lembre-se que isso interfere diretamente no custo, por isso, pense bem na utilidade do seu smartphone.

Se você quiser um smartphone bem simples, somente para ligações e SMS você pode usar um smartphone de 8GB, mas não recomendamos muito essa opção, pois muitos sistemas operacionais já ocupam praticamente esse espaço. Comprar um celular de 8 GB em 2017 é muito arriscado.

Se você acredita que precisa de um celular simples mas funcional, que permita conversar com os amigos pelo whatsapp ou telegram, fazer ligações, tirar algumas fotos e músicas, mas não pretende muitos guardar arquivos no celular, 16 GB pode te atender.

32 GB acabou se tornando o padrão do mercado, é uma quantidade razoável para a maioria da população, dá para usar com tranquilidade e ter uma quantidade muito boa de músicas, fotos e até vídeos e aplicativos.

64 GB é indicado caso você queira ter vários vídeos e gosta de muitos aplicativos, guardar mensagens do whatsapp e outros tipos de documentos. Se você é do tipo que tira muita foto, grava muito vídeo, mas principalmente, gosta de diversos aplicativos, 64 GB faz muito sentido para você!

Recentemente alguns celulares (como o Iphone) estão lançando super smartphones com 256 GB, nem preciso dizer que para um celular chega a ser um número estratosférico, com certeza cabe muita coisa na palma da sua mão.

Porque você não consegue usar toda memória disponível?

Independente do celular que você escolher tenha uma certeza: Ela não virá com todos os Gigas que diz na embalagem. Isso acontece porque parte da memória é consumida pelo sistema operacional e softwares padrões que vem de início.

No atual momento os sistemas operacionais Android  e IOS chegam a ocupar de 5 a 8 GB dependendo da versão. Comprar um smartphone de 32 GB significa ter cerca de 24 GB disponível para uso. E cada vez que a tecnologia vem evoluindo, os sistemas operacionais também ficam mais pesados e exigem mais do celular, até que chega o ponto onde um celular muito antigo se torna obsoleto pois não suporta nem o sistema operacional atualizado.

Computação na Nuvem: a salvação para os problemas de espaço!

Se até pouco tempo salvar todos os arquivos na internet era algo difícil, principalmente no brasil que tem uma internet péssima, isso já se tornou uma realidade. Salvar arquivos, documentos no celular é desvantajoso: consome memória, só da para acessar dentro do celular e o pior de tudo: se você perder aquele celular, perde tudo!

Para isso surgiram tecnologias como Dropbox, Google Drive, Google Fotos, Telegram, dentro outras que são capazes de armazenar informação na internet, disponível 24 horas por dia, acessível em qualquer lugar com internet, de foma segura e ágil.

Fora aplicativos que permitem serviços online, como o Spotify, onde você nem precisa baixar músicas para ouvir no dia-a-dia.

Por isso, se você deseja usar o celular para armazenar fotos e arquivos mais leves, usar serviços na nuvem irá resolver seus problemas. Caso queira ter no celular várias músicas disponíveis offline, então realmente vale a pena ter mais memória.

Lembrando também que se você é do tipo que ama aplicativos e jogos, memória vai ser um fator importantíssimo na sua escolha!

Categoria:
  Blog
this post was shared 0 times
 100
Sobre

 Ask

  (5 artigos)